AVALIAÇÃO PSICOPEDAGÓGICA: POR QUE É TÃO NECESSÁRIA?

✔A avaliação pode ser a melhor forma de quantificar e qualificar a aprendizagem em determinado assunto. A avaliação psicopedagógica no caso é a avaliação da aprendizagem sobre o aprender, a capacidade de entender e compreender, memória, linguagem, motivação, interpretação, comportamento e assimilação diante do estudo, a influência do ambiente, e até mesmo fatores genéticos, é a soma do entendimento psicológico, com o pedagógico, em relação ao indivíduo, que sofre algum problema no contexto escolar, ou seja, do aprender.

✔Esta investigação das questões cognitivas, emocionais e sistêmicas, poderá esclarecer o entrave, o qual dificulta o desempenho da criança ou adulto.

Infelizmente alguns pais só procuram ajuda devido à pressão da escola, quando o grau da dificuldade já está em dimensão bastante grande, sendo que o ideal, seria os pais levarem seus filhos para esse tipo de avaliação visualizando um caráter preventivo, de estimulo a educação e melhor conhecimento do próprio filho, aperfeiçoando a comunicação e bem estar familiar.

✔O que se nota hoje em dia é que os pais têm dificuldade de aceitar ou perceber um problema de aprendizagem, atualmente o contexto familiar e social mudou muito, sendo positivo para alguns âmbitos e negativos para outros.

✔Vivemos em em um país onde temos de trabalhar muito, fica complicado a questão de tempo para os filhos, consequentemente a falta de afeto e atenção dos pais acaba sendo um gerador ou agravante de problemas na aprendizagem, pois o tratamento é potencializado quando há a partição dada família em casa.

✔Existem vários transtornos de aprendizagem, dentre os mais diagnosticados são a dislexia, o TDA/H, discalculia, e alguns transtornos globais desenvolvimento, como o autismo e a sindrome aspeguer. Nenhuma escola seja particular, ou pública, consegue sanar a dificuldade dessas crianças, pois estas necessitam de atenção muito individualizada, devido ao número de alunos por sala, agitação e estímulos. Esses alunos tendem a não ter um progresso adequado, a auto-estima fica prejudicada, pois se sentem diferentes da maioria dos alunos.

✔Um tratamento psicológico e psicopedagógico com ajuda e participação da família faz toda a diferença, por mais dificuldades, por mais delicada situação.

✔É imprescindível a ajuda dos professores, porém a família deve compreender que certos aspectos que depende só da criança e da família e não só da escola. Notando-se uma dificuldade o tratamento deve facilitar o trabalho da escola e a comunicação familiar.

✔O desempenho da criança, de cada indivíduo apresenta um grau diferente de questões a serem trabalhados, alguns tem um resultado rápido com o tratamento, outros já demoram mais.

✔ Em alguns graus de transtorno e de desenvolvimento intelectual os passos são mais lentos, o tratamento não traz 100% de cura e sim ameniza maiores problemas, depende muito de cada caso.

✔ Dentro da psicopedagogia a intenção da psicóloga é atuar na melhoria do desempenho intelectual e emocional da criança, melhor se este trabalho for em equipe junto da família especialmente.

✔Na maioria dos casos a escola acaba cumprindo com seus deveres e ética, ((mas sabe-se que a qualidade de ensino básico ainda tem muito que melhorar, fato que seria para se discutir em outro texto, infraestrutura... qualidade de vida de professores... etc...)).

✔A relação professor e aluno é algo muito importante e delicado neste processo, a família deve ajudar, e compreender os fatores que facilitam e prejudicam este contato. Em todos os casos a paciência, a compreensão, o trabalho das relações, a comunicação e o diálogo fazem enorme diferença para um prognóstico favorável no tratamento e bem-estar da criança, família e escola.


Francieli Kureke

Psicóloga especialista em Psicopedagogia.
Atendimento de adultos e crianças. Avaliações Psicológicas e Psicopedagógicas. Palestras em instituições educacionais.

contato

  Rua Iguinácio Warcheski, 360 casa 02, Umbará. Curitiba/PR  Atendimento de Segunda à Sexta das 8h30 às 20h00.    (41) 3348-8127 / 3348-1594  (41) 9510-4523  francielikureke@gmail.com Siga-nos: